Pandemia: 306 mil vacinas administradas a crianças e comunidade escolar

Um total de 306 mil pessoas, entre crianças, professores e funcionários escolares, foram vacinadas contra a covid-19 entre 6 e 9 de janeiro, tendo os menores recebido a primeira dose e os adultos a dose de reforço.

Segundo dados preliminares agora divulgados pelos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, 201 mil crianças, entre os 5 e os 11 anos, foram inoculadas com uma primeira dose.

No mesmo período, cerca de 87 mil pessoas do grupo prioritário de vacinação “comunidade escolar” (professores e funcionários de escolas básicas e secundárias) receberam a dose de reforço, tal como cerca de 18 mil pessoas das “respostas sociais na infância” (pessoal de creches e ATL), lê-se na nota.

A vacinação das crianças entre os 5 e os 11 anos decorreu em dois períodos, no fim de semana de 18 e 19 de dezembro e entre 6 e 9 de janeiro.

Perante os dados agora divulgados continuam por vacinar mais de metade dos menores.

O comunicado dos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde esclarece que as crianças que ainda não foram imunizadas “vão ter oportunidade de agendar a vacinação para os próximos períodos dedicados à vacinação pediátrica, a partir de 05 de fevereiro”.

De 5 de fevereiro a 13 de março serão administradas igualmente as segundas doses pediátricas, que completam o esquema vacinal.

A administração de doses de reforço, especificamente para a comunidade escolar (professores e funcionários de escolas básicas e secundárias, creches e ATL), em modalidade de “casa aberta” (sem autoagendamento) através de senha digital, prossegue nos próximos dias.

Fonte: Lusa

Deixe um comentário