Futebol: Mirandês luta pelo 3º lugar

Na tarde de Domingo, dia 13 de março, o Grupo Desportivo Mirandês venceu o Vila Flor Sport Clube, por 4-1, uma vitória suada perante um adversário desinibido que lutou até ao final.

À 18ª jornada do campeonato distrital, o Grupo Desportivo Mirandês (4º classificado) recebeu a visita do Vila Flor (9º), no estádio municipal de Santa Luzia, em Miranda do Douro.

Numa tarde com prenúncio primaveril, o jogo de futebol foi bem interessante, sobretudo pela atitude corajosa e desinibida dos visitantes que deram boa réplica aos mirandeses.

A equipa da casa sentiu muitas dificuldades em praticar o seu futebol atrativo com a troca de bola, as movimentações constantes e a progressão no terreno, perante a assinalável organização defensiva e combatividade do Vila Flor.

Ainda assim, o primeiro golo da equipa de Miranda do Douro surgiu aos 10 minutos, na sequência de um pontapé longo do guardião mirandês, que não foi interceptado pela defesa vilaflorense e Kiko, isolado, fez um chapéu para inaugurar o marcador (1-0).

Logo, depois, aos 13 minutos, foi a vez dos mirandeses facilitarem junto à sua grande área e o avançado do Vila Flor, Kenny, aproveitou o erro dos adversários para repor a igualdade a 1-1.

O golo animou os visitantes que revelaram ser uma equipa compacta e ofereceram uma forte resistência aos mirandeses, que não conseguiam desembaraçar-se facilmente dos seus adversários.

O empate permaneceu até aos 40 minutos, altura em que o Mirandês conseguiu circular a bola com mais rapidez e isso desiquilibrou a equipa visitante, permitindo ao capitão Gancho desmarcar Diogo e o avançado fez o 2-1.

Pouco antes do intervalo, o defesa-central, Elvis, ampliou para 3-1, ao cabecear com êxito um pontapé de canto, aos 47 minutos.

Os vilaflorenses mostraram ser uma equipa desinibida, que não se limitou a defender mas procurou a baliza adversária.

No segundo tempo, destaque para a melhor jogada do desafio, protagonizada por Ema. Aos 52 minutos, o avançado mirandês conseguiu desembaraçar-se de três jogadores adversários, entrou no vértice da grande área e rematou cruzado para o poste mais distante, fazendo com um grande golo o 4-1 final.

Com o avançar do tempo e a falta de soluções no banco, os vistantes foram perdendo fulgor. Ainda assim, a equipa do Vila Flor revelou muita seriedade e honrou a camisola ao lutar até ao apito final.

Por seu lado, o Grupo Desportivo Mirandês ainda que não tenha realizado um grande jogo, conquistou uma nova vitória que lhe permite continuar a lutar pelo terceiro lugar no campeonato.


Equipas

Grupo Desportivo Mirandês: Gonçalo, Elvis, Camará, Sacka, Énio, Kiko, João Pedro, Ema, Francisco e Gancho (cap.)

Suplentes: Lamá, Diz, Vitor, Alan e Djoje.

Treinador: Nuno Rangel

“Vivemos uma semana atípica com a saída do Ramon e do Cleyson do plantel, que eram jogadores muito importantes no nosso processo. Perdemos também o Filipe por lesão. E o Vinicius foi suspenso quatro jogos, o que achamos ser um castigo excessivo. Todos estes jogadores tinham ritmo competitivo, estavam habituados a jogar 90 minutos e fazem-nos muita falta. Neste jogo com o Vila Flor, a sua ausência afetou a equipa, perdemos muitas vezes a bola e revelamos alguma falta de confiança. O mais importante foi conquistar os três pontos. Agora, temos pela frente quatro jornadas de dificuldade acrescida: a ida a Vimioso, a receção ao Bragança, o derby em Sendim e concluímos o campeonato em casa, na receção ao Rebordelo. O nosso objetivo é fazer o melhor possível e possivelmente vamos interferir na decisão de quem vai ser campeão.” – Nuno Rangel

Vila Flor Sport Clube: Eduardo, Saúl, Santiago, André (cap.), Gabriel, Cadete, Salah, Pedro, Kenny, Rodrigo e Jason.

Suplentes: David, Guiven, Carlos Fernandes, Ricardo e Diogo.

Treinador: Carlos Rodrigues

“Ao longo do campeonato temos tido muita dificuldade em contratar jogadores. E como treinador não posso mudar muito o jogo, dado que temos apenas 13 jogadores. Mesmo assim, estou contente pelo modo como jogámos em Miranda do Douro. Tenho uma equipa que nunca desiste e estão de parabéns pela exibição. Acho que o resultado é exagerado para aquilo que se passou no jogo. Cometemos quatro erros, sofremos quatro golos e o futebol é mesmo assim.” – Carlos Rodrigues

Equipa de arbitragem

Árbitro: Diogo da Silva

Árbitros assistentes: António Leal e Eduardo Nunes

18ª Jornada

13/03GD Mirandês4-1Vila Flor SC
 FC Vinhais3-1Carrazeda de Ansiães
 AE Africanos BragançaADIÁguia FC Vimioso
 Carção1-4Bragança
 Torre Moncorvo1-0GD Sendim
 Minas Argozelo0-2Rebordelo

Classificação

PJVEDGMGSDG
1Bragança50181620499+40
2Rebordelo46181512499+40
3FC Vinhais371811433916+23
4GD Mirandês341810444218+24
5Carção28188464030+10
6GD Sendim28188463819+19
7Águia FC Vimioso231865732320
8Minas Argozelo191861111942-23
9Vila Flor SC141842121955-36
10Torre Moncorvo131834111840-22
11AE Africanos Bragança111632111629-13
12Carrazeda de Ansiães1180117567-62

19ª jornada

27/03Águia FC Vimioso15:00GD Mirandês
 Vila Flor SC15:00FC Vinhais
 Bragança15:00AE Africanos Bragança
 GD Sendim15:00Carção
 Rebordelo15:00Torre Moncorvo
 Carrazeda de Ansiães15:00Minas Argozelo
Fonte: zerozero.pt

HA

HA

Deixe um comentário