Autárquicas: PSD de Vimioso apresenta obras realizadas e os candidatos às eleições

A candidatura do PSD à Câmara de Vimioso, liderada por Jorge Fidalgo, apresentou em Carção, as obras realizadas nos últimos quatro anos e deu a conhecer os candidatos à junta de freguesia local, assembleia municipal e câmara municipal de Vimioso.

No decorrer do comício realizado no serão do dia 16 de setembro, António Santos, natural de Carção e atual vice-presidente do munícipio vimiosense foi o primeiro a falar à comitiva laranja, presente no parque desportivo e de lazer da aldeia.

Na sua intervenção, “Toni” – assim é conhecido e tratado pelas pessoas – lembrou o seu percurso político, iniciado há 12 anos à frente da junta de freguesia de Carção e o posterior convite para exercer funções no executivo camarário.

Sobre o atual estado do concelho, disse que “Vimioso é um dos concelhos do país com melhor qualidade de vida”.

Por sua vez, o atual presidente da junta de freguesia de Carção, Daniel Ramos, que aceitou recandidatar-se para mais um mandato, começou por dizer aos carçoneiros que “o trabalho de um autarca à frente de uma freguesia nunca está acabado”.

Ao avaliar o trabalho realizado ao longo dos últimos quatro anos, o autarca de Carção, indicou as “obras realizadas” e salientou que nos últimos dois anos, por causa da pandemia, o trabalho da freguesia foi sobretudo direcionado para o “apoio social “à população de Carção.

Dado que a situação pandémica ainda não foi completamente ultrapassada, Daniel Ramos, referiu o propósito de “continuar a manter uma atenção e contato próximo com a população”.

Em Carção, o discurso mais aguardado do comício, foi o de Jorge Fidalgo, atual presidente da câmara municipal de Vimioso, que se recandidata para o terceiro mandado.

O autarca vimiosense iniciou a sua intervenção dizendo que “em política não há inimigos, há sim adversários que, com respeito, confrontam as suas ideias e projetos de governação” para o concelho de Vimioso.

“Após o dia 26 de setembro, vamos todos trabalhar em conjunto para o desenvolvimento do nosso concelho”, apelou.

Neste sentido, Jorge Fidalgo, acrescentou que a campanha eleitoral tem como objetivo “esclarecer as pessoas” sobre os diferentes projetos políticos.

Sobre o desempenho da sua equipa ao longo do mandato que agora termina, o presidente do município vimiosense, elogiou António Santos, pelo “grande trabalho social” realizado.

Em relação, ao desempenho da freguesia de Carção, destacou a “serenidade e lucidez” com que Daniel Ramos soube enfrentar os problemas do dia-a-dia.

Numa avaliação global, a obra realizada em todo o concelho de Vimioso, Jorge Fidalgo, disse que “a maioria dos compromissos assumidos foram cumpridos”.

O autarca vimiosense iniciou a sua intervenção dizendo que “em política não há inimigos, há sim adversários que, com respeito, confrontam as suas ideias e projetos de governação” para o concelho de Vimioso.

Sobre o programa para os próximos quatro anos, o candidato social-democrata, indicou que a educação, a saúde, o desporto, a área social, o desenvolvimento económico, o ambiente, a cultura e o património, as acessibilidades e a cooperação transfronteiriça são algumas das àreas prioritárias.

Sobre as acessibilidades, Jorge Fidalgo, adiantou que a ponte que fará a ligação entre Carção e Vimioso há-de realizar-se, pois o projeto está numa fase avançada, e “esta obra é fundamental para os concelhos de Vimioso, Miranda do Douro, Mogadouro e Freixo-de-Espada-à-Cinta”.

Numa alusão, ao programa socialista, Jorge Fidalgo, criticou as “ideias generalistas” elencadas, pois não dão a conhecer as “medidas e os procedimentos” para concretizar essas intenções.

“Apresentam generalidades mas não se comprometem com nada”, criticou.

E por falar em compromissos, o atual presidente da câmara municipal de Vimioso, afirmou que se for reeleito, compromete-se a cumprir o mandato até ao fim.

As eleições autárquicas vão realizar-se no dia 26 de setembro.

HA

Deixe um comentário