Sendim: O teatro veio às escolas

Os alunos do 1º ciclo das escolas de Sendim e de Miranda do Douro, assistiram esta quarta-feira, dia 26 de outubro, à peça de teatro “Diabos e diabritos num saco de mafarricos”, uma iniciativa protagonizada pela Filandorra – Teatro do Nordeste e apoiada pelo município de Miranda do Douro.

O enredo teve uma duração de 45 minutos e foi composto por cinco narrativas: “Os garotos”, “A borboleta”, “O ferreiro”, “O lencinho mágico” e “Os trasgos”.

A peça foi construída a partir de contos e lendas da tradição oral transmontana, recolhidos pelo escritor e etnógrafo Alexandre Parafita.

Segundo Vitor Santos, ator da Filandorra Teatro do Nordeste, “noutros tempos, estas histórias ocuparam o imaginário de várias gerações de crianças, que as ouviam ao serão, pela voz dos seus avós, quando não havia televisão, nem computadores, tablets e telemóveis”.

Amanhã, dia 27 de outubro, é a vez dos alunos do 3º ciclo e do secundário, pertencentes ao Agrupamento de Escolas de Miranda do Douro assistir, no miniauditório da cidade, à representação teatral das conhecidas obras de Gil Vicente: o “Auto da Barca do Inferno”, às 10h30 e a “Farsa de Inês Pereira”, às 14h30.

O ator Vitor Santos sublinhou que “o ´Auto da Barca do Inferno´e a ´Farsa de Inês Pereira´continuam a ser duas obras muito estudadas no ensino em Portugal e por isso para os alunos e os professores é uma mais valia assistir à sua representação teatral”.

A apresentação destas obras teatrais em Miranda do Douro insere-se na iniciativa “O teatro vai à escola” e é um investimento do município de Miranda do Douro.

“Foi estabelecido um protocolo de colaboração com a Cooperativa de Produção, Formação e Animação Teatral – Filandorra Teatro do Nordeste, com o objetivo de proporcionar às nossas crianças e jovens novas ofertas culturais, neste caso o teatro, dado que é um dos melhores veículos de transmissão cultural”, explicou o vice-presidente do município, Nuno Rodrigues.

No âmbito desta colaboração com o município de Miranda do Douro, a Filandorra Teatro do Nordeste já havia apresentado no passado dia 11 de agosto, no antigo paço episcopal, a obra de Shakespeare “Sonho de uma noite de verão”.

HA

Deixe um comentário