Vaticano: «Paz é a harmonia das diferenças» – Papa Francisco 

O Papa Francisco recebeu em audiência, o Pequeno Coro do Antoniano de Bolonha e os Coros da Galáxia do Antoniano, e, através da experiência da música explicou às crianças que “a paz é a harmonia das diferenças”.

“Somos todos diferentes e dessa diversidade podemos formar uma sinfonia de vozes. Para formar uma sinfonia de povos. Esta é uma coisa importante: que todos os povos cantem juntos, que haja paz. E isso é paz. Ouçam com atenção: a paz não nivela as diferenças, não, a paz é a harmonia das diferenças”, disse na audiência.

Francisco dirigiu-se às crianças desejando uma “feliz festa de São José” e mostrou-se “feliz” por poder celebrar com aquelas “músicas que dão esperança”.

“As vossas músicas que dão esperança, mesmo em momentos difíceis, como este que estamos vivendo agora por causa da guerra. É um momento difícil. Sabem que algumas crianças feridas pela guerra já chegaram a Roma, ao hospital Gesu Bambino”, afirmou.

“Somos todos diferentes e dessa diversidade podemos formar uma sinfonia de vozes. Para formar uma sinfonia de povos. Esta é uma coisa importante: que todos os povos cantem juntos, que haja paz. E isso é paz. Ouçam com atenção: a paz não nivela as diferenças, não, a paz é a harmonia das diferenças” – Papa Francisco

Depois de pedir oração por estas crianças, o Papa mostrou vontade de “dedicar o encontro às crianças e jovens da Ucrânia”, questionando as crianças presentes que concordaram.

Outro dos momentos da intervenção do Papa foi de destaque das músicas entoadas pelos coros que “atraem jovens e velhos, especialmente avós”.

“Mães e pais cantam juntos, avós e netos. Algumas canções do Sequim de Ouro unem as gerações e há necessidade de vincular as diferentes gerações; em particular, para favorecer o diálogo entre os idosos e os jovens, entre avós e netos”, apontou.

Francisco convidou as crianças a “terem tempo para escutar os avós e fazerem perguntas sobre a vida no tempo deles”.

“Tenham boas raízes! Ou seja, ouvir os avós é ter boas raízes”, salientou.

Neste encontro de cerca de 3 mil participantes esteve presente o coro “Crescendi”, de Gondomar.

O dia 19 de março foi a data escolhida, em 2013, para o início solene do pontificado de Francisco.

Fonte: Ecclesia

Deixe um comentário