Palaçoulo: Benção da obra do Mosteiro de Santa Maria Mãe da Igreja

Na manhã de 14 de janeiro realizou-se em Palaçoulo, a celebração da Missa e a benção do começo da obra de construção do Mosteiro de Santa Maria, Mãe da Igreja, que contou a visita da presidente da Câmara Municipal de Miranda do Douro, Helena Barril.

À missa presidida pelo pároco de Palaçouço e outros sacerdotes da região, participaram também os engenheiros, técnicos e trabalhadores da obra de construção do novo mosteiro trapista.

Após a Eucaristia realizou-se uma curta procissão para realizar a benção do estaleiro onde já está a decorrer a obra.

A presidente da Câmara Municipal de Miranda do Douro, Helena Barril, disse acreditar que “o Mosteiro de Santa Maria, Mãe da Igreja vai ser uma obra estruturante para o concelho de Miranda do Douro e colocar a região na rota do turismo religioso”.

Helena Barril lembrou que o futuro Mosteiro Trapista vai permitir “a estadia de pessoas na região para momentos de descanso e de reflexão”.

“Vir ao mosteiro é encontrar a alegria contagiante das irmãs trapistas, que são pessoas extraordinárias, pois vivem os valores da humildade, da fraternidade, da fé e da esperança num futuro melhor”, disse.

Na Missa e benção das obras de construção do novo mosteiro participaram também pessoas da população de Palaçoulo. António Cangueiro, natural de aldeia, reconheceu que a presença das monjas trapistas e a edificação do mosteiro está a atrair a vinda e a visita regular de mais pessoas à região.

HA

Deixe um comentário